k7 no Chevette


Artistas longevos, de obra generosa e solidamente construída, permitem que nos movimentemos dentro dela, descobrindo cantos, preferindo ambientes, estranhando corredores, abrindo portas e janelas, fechando capítulos e feridas...

... oferecem espelhos para vários momentos da vida. E nem precisa ser um espelho multifacetado. Na beleza da música pop, dá pra fazer golaço nas duas goleiras: tanto sendo um camaleão como David Bowie quanto usando o mesmo corte de cabelo a vida inteira como Jeff Beck. 

(*)

Ao lado da melancolia, quando um grande artista nos deixa, pinta o incômodo de sentir que se oficializam as leituras de sua obra feitas pelas "cabeças pensantes" de plantão. Narrativas quase sempre empobrecedoras, esquemáticas, que nunca conseguem captar os fenômenos em toda sua grandeza e sutileza.

Algo sempre se perde nos resumos e atalhos. Às vezes, esse "algo" é o principal. Não é qualquer fotógrafo que consegue capturar o movimento.

Normal, tá no DNA da indústria da informação a tentativa de enquadrar em um par de frases grandiloquentes uma trajetória, por mais singular que seja. Na real, essa caça às borboletas começa no primeiro acorde da carreira. Mas depois do último, ela parece mais cruel.

O fato de os necrológios de celebridades serem escritos antes de suas mortes é sintomático, né? David Bowie tem, desde sempre, escapado bem destas armadilhas.

(*)

O meu Bowie particular é o de uma k7 do álbum Scared Monsters (and Super Creeps) rodando num Chevette Hatch que, por sua vez, rodava pelos paralelepípedos da Porto Alegre do início dos anos 80.

Para Bowie, Ashes to Ashes (o single do disco) encerrava a década de 70. Num cantinho do planeta, ao sul da América do Sul, pra alguns de nós, ela encerrou os anos 60.

RIP, Bowie.

Obrigado pelas mensagens lembrando o
aniversário do primeiro show dos EngHaw.
Acima, o cartaz feito há 31 anos
por colegas da FAURGS.

2016, vamos juntos!
abraços
12jan2016

35 comentários:

  1. Detalhe que tinha o Bowie no cartaz! rs Parabéns por mais um ano de carreira HG, nos vemos pela highway! Saúde e paz!

    ResponderExcluir
  2. Grandes lembranças sempre acontecem em cenários simples. Bons tempos onde tínhamos acesso a momentos assim. Adorava ouvir música nessa mídia

    ResponderExcluir
  3. Grandes lembranças sempre acontecem em cenários simples. Bons tempos onde tínhamos acesso a momentos assim. Adorava ouvir música nessa mídia

    ResponderExcluir
  4. Tenho medo que a bio do engos vá por esse caminho "/
    Que amor você ter agradecido os cumprimentos pelo niver da banda :))

    ResponderExcluir
  5. Nós vemos pelo espaço (ou se preferir, por Jampa), mestre!

    ResponderExcluir
  6. Bem assim. Graças ao bem sempre teremos onde buscar as histórias nas versões de alguns artistas que respeitamos. Escritas por eles mesmos.
    Meu Bowie era ator do filme labirinto. �� Fazer o que? Rs
    Até!

    ResponderExcluir
  7. Dia feliz...dia triste...dia feliz...❤️💔

    ResponderExcluir
  8. E a lei da highway se cumpre, como sempre...mais um ícone da música se vai!
    E o que nos resta?
    Um legado tão ímpar quanto o seu autor!
    RIP David Bowie!
    Boa semana mestre.
    Agradeço o seu agradecimento por nossas sinceras homenagens pelos 31 anos de Engenheiros do Hawaii.
    Continuamos "vibrando em outra frequência"...

    ResponderExcluir
  9. Ahhhh e que os ventos do destino soprem para o Norte e a nave #loucopraficarlegal pouse em solos paraenses! ��

    ResponderExcluir
  10. "a vida é uma viagem, passagem só de ida..." Até a próxima HG!!

    ResponderExcluir
  11. Sempre interessante te ler dizendo da arte de outro... Dia triste pela perda. Dia feliz pelos 31a. e por, justo nesse dia, gargalhar quando soube que daqui a rápidas duas semanas vc estará na minha cidade, Guarapari. Grande surpresa!!! :D

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Eu sabia que o mestre ia escrever sobre o Bowie ou sobre os 31 anos da banda.
    Mas, ele é tão incrível que preferiu da ênfase ao Bowie.

    ResponderExcluir
  14. E mais um se foi... que bom que ainda tem VC para ver no dia 12 de março..ate

    ResponderExcluir
  15. Super homenagem ao grande Bowie. Abraços

    ResponderExcluir
  16. Um pouco da minha relação com a data de ontem..

    http://jorrgelandia.blogspot.com.br/2016/01/nos-seremos-maioria.html

    ResponderExcluir
  17. Sidnei Rodrigues - SP12 de janeiro de 2016 13:51

    HG ! Louco pra ficar legal nesses 31 anos de EngHaw!!!
    São Paulo na espera.

    ResponderExcluir
  18. Algum show previsto para a capital paulista? Espero ansiosamente por isso!!!

    ResponderExcluir
  19. Duras e necessárias reflexões de quem vive da arte e a usa como um espelho da própria vida. Diz a canção "Sobre o Tempo", da banda Nenhum de Nós: "O tempo passa e nem tudo fica/A obra inteira de uma vida/O que se move e/O que nunca vai se mover". Forte abraço HG.

    ResponderExcluir
  20. Linda homenagem!
    Seus textos são ótimos, mas este foi especial.
    Nestes tempos de resumos e atalhos
    é um oásis no deserto internet.

    ResponderExcluir
  21. David deixou sua marca no Universo com Space Oddity e outras canções maravilhosas que serão eternas para sempre.

    ResponderExcluir
  22. Tomara que venha essa nova tour, passe em Santa Maria RS,este ano Humberto Gessinger. Aproveitei e visualize meu blog.
    http://pensamentosreflecoespoesiasmusicas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Tomara que venha essa nova tour, passe em Santa Maria RS,este ano Humberto Gessinger. Aproveitei e visualize meu blog.
    http://pensamentosreflecoespoesiasmusicas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Ei Humberto, vem fazer show aqui pelo Ceará/Pernambuco/Paraíba! Traz o baixo e as guitarras pesadas!

    ResponderExcluir
  25. Humberto, deixei uma camisa da nossa campanha pela liberação da Fosfoetanolamina, a pílula do câncer na portaria de teu prédio e com tua irmã, juntamente com o CD do cantor Oscar Alejandro que gravou a tua música até o fim numa versão em espanhol!

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  27. Grande Humberto, espero ansiosamente a tua visita aqui em Natal/RN.

    ResponderExcluir