mar


Nasci em Porto Alegre. Na época, a cidade ficava mais de três horas distante do mar. A família da minha mãe veio da Itália e se fixou na serra gaúcha. Por parte paterna, meus antepassados vieram da Alemanha para um vale gaúcho (a "séra" e o "fale", como diriam caricatos imigrantes italianos e alemães). Ambos distantes do mar.

Distâncias, se não afastam, só fazem aumentar (aproximar) o mistério.


As muitas viagens a bordo de minha música me colocam frequentemente em hotéis à beira mar. Principalmente no Nordeste, mas também no RJ, em SC e mesmo no RS. Lembro até de um hotel onde, conforme a maré, as ondas batiam na base do prédio.

Ainda que sem talento para suportar o sol, sou fascinado pelo som do mar. Principalmente à noite, quando a privação de um sentido (a visão) refina o foco de outro (a audição). No fim de semana passado, em Salvador, foi assim. Fiquei um tempão ouvindo o mar e sentindo sua brisa na madrugada, depois de um show sensacional.

E percebi que minha percepção (sim, percebi a percepção!) do mar mudou com o passar dos anos. Se antes era algo virtualmente infinito, com a força mais forte, hoje o vejo como um organismo vivo, frágil e ameaçado. Como todo nosso planeta.



Normal, o mundo ficou menor e todas as linhas que ligam causa e consequência ficaram mais retas e curtas. Da química dos nossos corpos à democracia de nosso país, passando pelo urbanismo de nossas cidades... quanto mais aprendemos, mais nos damos conta da fragilidade, de que tudo pode estar a um passo mal dado do colapso.

Diminuiu o mistério, aumentou nossa responsabilidade de... ouvir o mar com atenção.



bah : o fim de semana inSULar que se aproxima não será à beira do mar. Mas promete. Belém e Manaus são duas cidades aonde não vou faz um tempo. Bora!
Fotos da primeira e da mais recente
passagens por Belém.
Entre elas houve 1989, 91, 93, 94,
2001, 02 e 03.
Em Manaus toquei em 1990, 91, 93, 94,  96,
2000, 01, 02, 03 e 2009.
Manaus
01set2015

60 comentários:

  1. Caro HG, acompanho sua linda história em sua arte/ofício há muuuuito tempo (1988 é o ano) e, desde que me tornei mais um de fé, muito do que sei e fiz se deve à você.
    É engraçado só agora escrever um comentário, mas não sei... sei lá... tenho a impressão que lerás. O certo é que dia 4 estarei junto com meus dois filhos (que são músicos também) e minha esposa (que canta) e mais vários amigos que curtem sua música, te vendo no show em Belém e provavelmente muito emocionado, por ser apenas o 2º show teu que presenciarei e ao lado de pessoas muito importantes pra mim.
    Somos da Ilha de Marajó (mais insular impossível!) e estaremos com camisas padronizadas (ENGENHEIROS DO MARAJÓ), seria uma honra poder ter um autógrafo teu ou uma foto contigo. Qualquer coisa esse link pode dizer muita coisa: http://hagaquemusic.blogspot.com.br/2011/04/tributo-ao-rock-nacional-atualizado-em.html
    (é de um projeto antigo, 2011, na época a banda era eu e meus dois filhos e se chamava HagáQuê, hoje temos um novo projeto com meu compadre, que também vai estar no show, que se chama A Ilha, cujo primeiro vídeo foi um cover de “A Promessa”).

    Pense aí...
    Nos encontramos na sexta!!! Abração!!!

    J. Assis

    PS. O título do post tem muito a ver com a gente afinal estamos cercados de mar por todos os lados e atravessaremos uma baía pra te ver na sexta...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *mar/rio = oceano atlântico/rio amazonas/rio tocantins... eh Marajó!!!

      Excluir
    2. Tiooooo!!! Primeira vez que vejo um comentario seu :)
      Ansiosa pela sexta!!!! ❤❤❤

      Excluir
    3. KKK!!! É que curto ler os textos e comentários sem interferir... mas dessa vez é tão pertinho, né!?
      PS. Que legal que vc vai, nos encontramos lá!!!

      Excluir
  2. Sempre pontual!
    O show em Salvador foi sem sombra de dúvidas sensacional! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto *-*
    Nada como acabar a segunda (ou começar a terça?) com suas palavras mestre!

    ResponderExcluir
  4. ótimo texto 1berto, vamos que vamos com o insular pelo Brasil a Fora, e sei lá quando puder da uma voltinha na beira mar de Fortaleza será bem vindo.

    ResponderExcluir
  5. "Sabe lá
    O que é morrer de sede em frente ao mar" (Esquinas/Djavan)

    SRN!

    ResponderExcluir
  6. Bora!!!Chegou a hora!!Belém te aguarda,HG!!
    "Paralelas que se cruzam em Belém do Pará!!Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Estava ansiosa por esse post! Cara, que show MARAVILHOSO que vocês fizeram na minha querida Salvador! Vocês fizeram a minha noite ( não só a minha, com certeza) muito mais bonita, mas Salvador ficou ainda mais bonita com a sua música! Espero que vocês voltem, sempre que der, porque nós, baianos, ficamos muito felizes com o show, mas já estamos cheio de SAUDADE! Espero que o inSULar traga ainda mais momentos como esses!!!

    ResponderExcluir
  8. Vendo essas fotos do Humberto de 93, não tem como não lembrar dos tempos de Augusto e Carlos... e também, não há como não bater uma curiosidade sobre qual o pensamento do HG sobre a campanha de financiamento coletivo pro workshop que o augusto tá fazendo, já que ele ficou tanto tempo sumido da mídia. Espero rever GLM um dia!

    ResponderExcluir
  9. Vi o adesivo do GIG na sua mala...passou pelo RJ né??? Rsss..abs!

    ResponderExcluir
  10. Mais um belo texto presenteando todos nós "De Fé"!
    Sexta te aguardamos aqui em Belém com o maior carinho!
    As paralelas vão se cruzar em Belém do Pará!
    Boa semana HG!
    Sinelma Raiol.

    ResponderExcluir
  11. Enquanto a segunda virou terça, algo muito importante para mim aconteceu, fico feliz que esteja presente neste dia... Mesmo que seja com uma publicação 👓

    ResponderExcluir
  12. Seus textos sempre despertam meu lado poético; vivo apaixonada por eles!

    P.S.: o show em SSA foi sensacional! Por favor, retorne logo ;))

    ResponderExcluir
  13. Acredito que para todos os campos da vida:
    "Distâncias, se não afastam, só fazem aumentar (aproximar) o mistério."
    Vc é genial ;)

    ResponderExcluir
  14. Belíssimo texto, Humberto! Bela também é a sincronia...vocês se hospedaram em frente à minha casa, aqui em SSA, a fotografia pela janela do hotel evidencia a praia que sempre vou, pra ouvir o mar, ao sabor do vento, tantas vezes ao som de suas músicas. Com certeza, daqui em diante, o sabor disso tudo será mais especial ainda pra mim, sabendo que você também contemplou esse lugar de energia tão singular. [ eu tive um dos dias mais felizes da vida por conversar um pouquinho com você, será que vai se lembrar? :-) ] Grande abraço! Espero revê-lo em breve! :)))

    ResponderExcluir
  15. Bora!!!Chegou a hora de Belém.

    MARAJÓ Em peso no seu show HG ☺

    Esperando pra ouvir Sua Graça 🎶🎶


    ResponderExcluir
  16. Que satisfação Humberto , finalmente vou poder ir no teu show !

    Sexta-feira as paralelas irão se cruzar.

    Um grande abraço desse teu irrevogável fã.

    ResponderExcluir
  17. Antes de ler esse texto, tinha acabado de ouvir Mapas do Acaso e sua "Onda, após onda, após onda, estaremos sempre sob a mesma Lua"! Mais fantástico que seus textos é perceber a ligação deles com a sua história e desta com as suas letras (mais fantásticas ainda, ressalte-se!)
    Falando em mar, em hotel à beira mar e num sol "de lascar", estamos ansiosos em vê-lo novamente aqui no meu Ceará! *-*
    Um abraço da fã mais inusitada que você deve ter! rs

    ResponderExcluir
  18. " Meu coração é um porto sem endereço certo...é um deserto em pleno mar "

    ResponderExcluir
  19. Interessante como sempre há espaço para as analogias em seus textos.

    Agora imagine que toda hora, inconscientemente, me pego pronunciando frases, na comunicação do dia a dia, que são de músicas dos Enghaw. Ou então, qnd dou uma resposta à alguém, o faço cantando algum trecho das músicas dos engenheiros.

    Mas não chega a ser tão frequente a ponto de se tornar algo insuportável, ou até mesmo um transtorno. Percebo que existem também pessoas parecidas, neste blog, mas que comentam sempre com frases de músicas vossas.

    Confesso que estou louco para viajar até Porto alegre, só pra ter uma foto com a seguinte legenda : ''da janela do avião eu vejo Porto Alegre ''
    Agora imagine como é trabalhoso para você, escrever um texto, sem frases que remetam a letras de músicas.

    Conheço teu trabalho há pouco menos de 05 anos, por incrível que pareça, através de um pendrive perdido, que continha um álbum do Acústico MTV. Quando já estava quase enjoando de todo dia ouvir o mesmo álbum, resolvi fazer uma pesquisa sobre a banda, e foi aí que eu descobri que aquilo era só a ponta de um iceberg.

    Já que o destino não foi favorável ao acontecimento de shows em Salvador, não pensei duas vezes em viajar, sozinho, em 2013, para vitória da conquista. Foi surreal. Nunca tinha feito nada parecido.

    Já esse ano, tive a oportunidade de assistir tanto em Vitória da Conquista, qnt em Salvador, e podem até dizer que é loucura assistir ao mesmo show, duas vezes no final de semana. Mas o que eu tive certeza, é que a playlist até pode ser parecida, mas nenhum Show é igual, em todos os sentidos.

    Espero poder assistir vários, mas tudo irá depender do vil metal.

    Se tivesse que fazer uma pergunta, seria : porque não saiu uma versão com qualidade, do único álbum em inglês?

    Isto sim não seria uma grande pintura, reproduzida em um chaveiro?

    ResponderExcluir
  20. Bah: Belém te aguarda, ansiosamente! <3

    ResponderExcluir
  21. Existe som melhor? Como é prazeroso o som do mar, quando o mar está revolto, a força que as ondas quebram, que batem nas pedras, muitas vezes retrocedemos um pouco de onde estamos, mas é fascinante sua força, seu espetáculo, me faz meditar naqueles que passam por grandes tormentas no oceano, deve ser aterrorizante.

    Triste pensar na luta que este gigante está fazendo para sobreviver aos ataques do desenvolvimento. É uma Terra de Gigantes, que trocam vidas por diamantes....

    Quanto o que disse no início: Existe som melhor? Pra Ser Sincera, amo o som das chuvas, principalmente quando vem acompanhada de raios e trovão, quanto aos sons artificiais: Um som maravilhoso é quando ouço suas músicas...

    Desejo que tenha um excelente final de semana inSULar.

    Até um dia próximo e vida longa!

    ResponderExcluir
  22. Poetas são defensores de todas as metas, de todo sonho feliz, se contemplar e transformar sempre na realidade, aos desiludidos da felicidade de perpertuar toda e qualquer forma me amor Direitos autorais reservados à Vinicius Rodrigues Bueno ( Vinicius Bueno fundador do fã clube dos fãs de fé Freud Flintstone, inspirado em Crônica )

    ResponderExcluir
  23. Nossa, você é fantástico, vi seu show em Vitória da conquista na última sexta, o primeiro de muitos, espetacular!!! :)

    ResponderExcluir
  24. Como é bom reencontrar o grande HG depois de oito anos em Salvador, um show sensacional, como se fosse ontem, desde 1987 tive o privilégio acompanhar outros shows em ginásios e estádios pelo Brasil afora, orgulho em ver um super artista, espero um dia rever pelo menos uma turnê GLM novamente juntos nem que seja por pouco tempo e uma foto que falta pro álbum.

    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  25. Reflexões, digressões, e a vida em construção entre o mistério revelado pela travessia e aquele que o horizonte não permite ver. Segue estrada, companheiro!

    ResponderExcluir
  26. Ja dizia outro ícone da musica brasileira : "se eu fosse burro seria mais feliz " . Se n me engano foi o Raul Seixas.
    Algo me diz q esses mares são inspiradores, oq me leva a pensar q rimas surgiram ou surgirão. N vou inventar de ler pensamentos e nem brincar de adivinhação (acho q n cola), queria vê-lo por Ipatinga,mas pelo q sei de sua agenda n será esse ano .
    Forte abraço e boa semana

    ResponderExcluir
  27. Ja dizia outro ícone da musica brasileira : "se eu fosse burro seria mais feliz " . Se n me engano foi o Raul Seixas.
    Algo me diz q esses mares são inspiradores, oq me leva a pensar q rimas surgiram ou surgirão. N vou inventar de ler pensamentos e nem brincar de adivinhação (acho q n cola), queria vê-lo por Ipatinga,mas pelo q sei de sua agenda n será esse ano .
    Forte abraço e boa semana

    ResponderExcluir
  28. Também passei e passo pela falta de familiaridade com o sol, mas amo o mar, tanto que vou morar no litoral paulista, praia só depois das cinco!!! Mas a noite seu som é perfeito e deve ser cuidado por todos, afinal o ser humano está destruindo a mãe natureza, portanto auto suicídio!!! Hora de pensar.
    Parabéns Gessinger reflexão pertinente aos tempos de hoje, boa semana.

    ResponderExcluir
  29. Duas belas fotos aqui do Mucuripe. :)

    ResponderExcluir
  30. Pra ouvir melhor, melhor apagar aluz...

    ResponderExcluir
  31. só faltava Belém! =D
    ingresso na mão esperando ansiosamente pela sexta-feira.

    ResponderExcluir
  32. o meio ambiente e homem é preciso saber viiver e proteger a natureza .rj

    ResponderExcluir
  33. Este hotel o qual você faz menção não seria o Hotel Tambaú que fica aqui em João Pessoa - PB, pois o mesmo foi construído quase que mar adentro e suas estruturas são literalmente acariciadas pelas ondas... Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  34. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  35. Lendo me senti meio Nau à deriva nesse asfalto (ou) em alto mar... onde os humanos vão se afastando da humanidade... eles sabem onde estão as armas químicas (e sabem usá-las) já os poemas?! Ah não sabem o que diziam não!
    Garotos já não sabem mais português e eu? Não sei o que fazer com esses números... talvez na falta do que fazer eu invente minha liberdade! Pois se for por amor às causas perdidas .. já que são tantas e tão diferentes essas vidas da gente, são centenas sem igual... inSULares, pois agora lá fora todo mundo é uma ilha, a milhas e milhas e milhas...

    Humberto, quem sabe na volta pra casa vcs não passam aqui em São Paulo hein?! Não necessariamente na capital hehe ... Sonho que posso ter é assistir teu show e se tudo passa, talvez vc passe por aqui, não é? xD

    Bom, você já deve ter ouvido tudo isso antes e se eu quiser ser mais direto.. vou me perder, melhor deixar quieto.. só peço que tent'entender, tentenxergar ... ou talvez não, afinal por mais que a gente cresça há sempre alguma coisa que a gente não pode entender... sei lá, não lembro quem me disse isso.. .

    ResponderExcluir
  36. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  37. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  38. O Mar tem dessas coisas, acaba dando muita saudade pra quem nasceu perto dele, e agravando a curiosidade para os que nasceram longe.
    As vezes venho aqui (no blog) dar uma olhada, gosto da maneira que você escreve, seja música, poesia, ou simplesmente contanto alguma coisa, eu chamo isso de "ultra-identificação". Também venho pra ver se escreveu algo de um disco que lhe foi dado em Curitiba. Eu pedi a moça que estava fila de autógrafos para que lhe entregasse, tinha uma fila de espera gigante e eu tinha que sair pra tocar. O disco se chama Variações, eu disse pra moça lhe dizer que sua música influenciou aquele disco, até hoje me pergunto se escutou haha. Enfim, acho tão dificil falar com você quanto falar com a Dilma rs. Um grande abraço, lhe desejo tudo de bom do fundo do coração!!!

    ResponderExcluir
  39. Mar, ilhas, super luas... perceber a percepção...adorei! Tenho uma música que faladisso...rsBoa semana.

    ResponderExcluir
  40. Suas músicas já me dominam e agora li em silêncio o som do mar. S2

    ResponderExcluir
  41. Cara, estou vivendo uma fase que está exigindo muito de mim e naõ tem um dia que eu não me deite sem desejar tanto relaxar em super show da turnê insular, vc ainda está muito longe mas espero poder ir em breve. Suas musicas estão comigo o tempo todo e quanto mais conheço o velho, mais me surpreendo com coisas novas...valeu...tudo que mais quero é dividir a mesma energia com vc em um super show...até lá..."logo ali, depois da curva"...

    ResponderExcluir
  42. O mar é mesmo fantástico, nessa parado do sol eu fecho contigo, contrário aos surfistas e banhistas, acho que o mar é formidável, -->> apesar do sol.

    ResponderExcluir
  43. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  44. Anotando para um futuro próximo: "Fazer de tudo para assistir pelo menos um Insular."

    Parabéns pelo blog (que estou lendo agora e pretendo acompanhar) e pelo disco (incrível). o/

    http://www.descoise.blogspot.com

    ResponderExcluir
  45. esse texto bem na semana da imagem do menino encontrado na praia...

    ResponderExcluir
  46. Como vc...após o mesmo show em Salvador...fiquei contemplando de madrugada esse mesmo mar....sentada no fundo do Farol da Barra....extasiada com o privilégio de ter te visto cantar mais uma vez....Volta logo!!!

    ResponderExcluir
  47. Humberto é indescritível o amor e admiração que tenho pelo seu trabalho. As letras das suas músicas abrem minha mente me faz ter novas visões, tem um efeito espetacular.
    Sobre o post, vc citou a fragilidade, tem razão, nosso lar é muito frágil, somos um pontinho no meio do universo. Indico que leia sobre astronomia, indicando algo mais específico, assista um documentário chamado Cosmos, é incrível, percebemos o quão frágil somos, a sorte que tivemos de ter um planeta incrível pra morar e mesmo assim não o valorizamos, nos autodestruímos, com isso damos mais valor a vida. Isso pode até te inspirar nas suas composições! Grande abraço de uma de fé, beijos!

    ResponderExcluir
  48. Humberto é indescritível o amor e admiração que tenho pelo seu trabalho. As letras das suas músicas abrem minha mente me faz ter novas visões, tem um efeito espetacular.
    Sobre o post, vc citou a fragilidade, tem razão, nosso lar é muito frágil, somos um pontinho no meio do universo. Indico que leia sobre astronomia, indicando algo mais específico, assista um documentário chamado Cosmos, é incrível, percebemos o quão frágil somos, a sorte que tivemos de ter um planeta incrível pra morar e mesmo assim não o valorizamos, nos autodestruímos, com isso damos mais valor a vida. Isso pode até te inspirar nas suas composições! Grande abraço de uma de fé, beijos!

    ResponderExcluir
  49. Sempre que a segunda vira terça fico mais fã desse cara!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando Programar a Tour 2016 lembre-se que são Anos sem Tocar em Natal-RN e que Natal-RN ainda não viu a Tour do INSULAR. Sei que os produtores daqui são uns Putos e que só contratam Sertanojo universiotario , forro de Cabaré , Axé Bunda , Funk Lixo e Pagode mas com certeza você podia entrar em contato com algum produtor que nos deu a honra de ver dois shows do PV em Natal 3 anos atrás e vir mostrar este show maravilhoso ao povo Potiguar . NATAL TE ESPERA POETA

      Excluir