Os Sinais Estão No Ar (150)

Bah, queria voltar à rotina dos post escritos com calma e vagar; com temas independentes das atividades cotidianas da minha arte/ofício. Mas é tamanha a correria em função da gravação do DVD INSULAR que não tenho conseguido.

O alto grau de intensidade com que trabalho é bem conhecido por quem é próximo a mim. Nem sempre é o ambiente mais confortável, mas são inegáveis os frutos que ele gerou e continua gerando. 

Sou fascinado pelo mundo dos músicos eruditos, dos jogadores de xadrez e atletas de ponta - sobretudo nos esportes individuais. Gente que dedica uma enorme energia ao refinamento de seu dom, que desenvolve um foco difuso, tensão relaxada, força e delicadeza, disciplina e liberdade, propícios para captar os mais sutis sinais e reagir com precisão veloz.

Apesar de trabalhar no território (aparentemente) mais simples da música popular, gosto de pensar que há semelhanças com essas atividades (aparentemente) mais complexas. Com o tempo, a gente vai aprendendo a ler os sinais (que estão no ar) e a reagir da forma certa e certeira.

(*)

Foi a prática do tênis que ensinou este guri de cidade a prestar atenção no sofisticado jazz do tempo (no sentido meteorológico). O clube onde jogávamos não tinha quadras cobertas. Na fissura de jogar desenvolvíamos intuições premonitóras sobre quando ia chover, que horas bateria o vento. Lidávamos com o sol nos olhos na hora do saque, com a umidade que deixava a bolinha mais pesada.

Aos poucos, aprendíamos a ler os sinais... que estavam no ar. E, como num passe de mágica, tempo e espaço pareciam se distorcer a nosso favor.

É comum tenistas afirmarem, depois de uma grande performance, que a bola estava fácil de ver e prever, que parecia grande como uma melancia. Acontece na música também. Às vezes, compassos que passavam rápido demais assumem um tempo justo e confortável, quando a gente lê corretamente os sinais... que estão no ar.

Tenho recebido alguns sinais (espero estar lendo-os de maneira precisa) que me deixam muito confiante no resultado do DVD INSULAR. Há uma vibe incrivelmente boa noa ar. Os recentes shows em Recife e Fortaleza são um exemplo. Outro: a meteorologia, tão arisca na Serra Gaúcha, esteve ao nosso lado nas gravações do set acústico.

DeuS eSpalha SuaS logomarcaS pelo coSmoS
S de Sol atráS daS nuvenS
SinaiS SinaiS SinaiS
Sun Sun Sun
here it comeSSSSSS
a lua
sob a qual gravamos
na serra gaúcha
a neblina esperou gentilmente
o fim das gravações para cobrir as colinas

prontos pra BH
Ops, voltando ao início do texto (os melhores motivos do mundo para um desvio na rotina do blog): hoje passei o dia envolvido com uma participação no clipe do Bebeto Alves para a canção Milonga OrienTao. Num lugar incrível, cheio de sinais. Aguardem!





Depois das filmagens fui a um desses programas de rádio em que se fala (alto) sobre o futebol e suas rivalidades. Bendito ofício que me leva a lugares tão díspares, mas - igualmente - emissores de sinais.

Chegando em casa, um pouco antes da meia-noite, hora em que postarei (postei?) este texto, resolvi iniciar uma (há muito protelada) troca dos captadores eletromagnéticos do meu Rickenbacker. Que captem bons sinais pelos palcos e estúdios pelos quais passarem; vida afora, noite adentro!


abraços
20mai2014

57 comentários:

  1. O show em Recife foi foda, mestre!
    Obrigada por tamanha felicidade

    Boa semana!

    ResponderExcluir
  2. Que show incrível aquele de sábado em Fortaleza em? Emoçao do começo ao fim... Até BH...
    Cheirinhos

    ResponderExcluir
  3. São Ludjero me espera sexta se Deus quiser , vai ser muito bom meu 10º show com Humberto gessinger.

    ResponderExcluir
  4. Enquanto isso, estamos noite a dentro apreciando as palavras do grande 1berto...

    ResponderExcluir
  5. Ô Humberto! Quero Insular em Belém do Pará, homem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, já pode acabar com esse nosso jejum, desde 2008...

      Excluir
  6. Belas imagens... Boas energias, que venha logo o DVD, e também seu show por aqui! :)

    ResponderExcluir
  7. Prontos para BH?!
    Putz!!!!
    Só eu não estou?!

    ResponderExcluir
  8. Show em Fortaleza foi Perfeito
    Valeu Humberto estamos esperando vc novamente.

    ResponderExcluir
  9. Aeeeeeeeeeee...

    Amo!!
    Abraços, Gessinger

    ResponderExcluir
  10. Aliteração! Depois disso, todos os S me pareceram conectados! Até mesmo o braço da viola com o obturador da câmera aberto de forma prolongada.
    Abraços! Vemo-nos em BH!

    ResponderExcluir
  11. Sempre me surpreendo com seu jeito de ver o cosmo e os sinais no ar,
    tudo está ao seu favor, agora é bola pra frente, agora é bola no chão.
    os sinais esteve aqui em Fortaleza-CE também 1Berto, você notou o que fiz pra você e recompensou com um belo sorriso e uma batida no peito e apontou em direção que estava a minha faixa, onde estava eu e minha namorada, e se deixemos levar com compasso da canção 3x4, e no seu sorriso no ar, Agradecendo há cada um que estava presente naquela noite em Fortaleza, Obrigado pela melhor noite onde os cosmo, constelações, e astros estavam a nosso favor, e foi uma noite inesquecível..

    ResponderExcluir
  12. Estou esperando um show em Sergipe. Será quando? Tem muito tempo que vc n aparece por aqui ... :(

    ResponderExcluir
  13. Estou esperando um show em Sergipe. Será quando? Tem muito tempo que vc n aparece por aqui ... :(

    ResponderExcluir
  14. Vai ser sucesso, pelos os shows de Recife e Fortaleza, você não está só recebendo os sinais como tbm está transmitindo esses sinais para os seus fãs. Todos estamos asiosos pelo grande DVD inSULar. Fica com Deus mestre!

    ResponderExcluir
  15. Sempre antenado aos sinais. Grande admiração por essa habilidade. Grava, debate, escreve, prepara e decide itens do DVD, sabe-se lá quantas coisas mais e ainda cuida dos instrumentos...ufa! Queria chegar aos 50 com essa energia, mas só acredito possível quando estamos fazendo o que amamos. Nesse caso, sinais, ou frutos?

    Boa semana, bons trabalhos ;-)

    ResponderExcluir
  16. Com o tempo, a gente vai aprendendo a ler os sinais (que estão no ar) e a reagir da forma certa e certeira.

    Sempre genial Humberto!

    Aguardando ansiosamente em João Pessoa. *_*

    ResponderExcluir
  17. Enquanto espero o frio chegar.
    Alívio em adentrar mais uma noite bem acompanhado.
    De um amor de longa data.
    De um sinal em concordata.
    Como um Concorde a zunir por de cima das Fragatas.
    Sobre as Atas que ainda iremos escrever.
    Tantos pontos a nos ater.
    Quantas vida envolvidas a não mais perguntar por quantas, se são tantas as voltas da terra.
    Um sinal de alívio o saber se conectar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ao saber! ..
      Blumenau te espera Humberto! .. Venha em Paz Rapaz Irmão Mais Velho! ^^

      Excluir
  18. Admiro a sua pontualidade, característica de capricornianos! Os sinais continuam soando e trazendo boas energias e sucesso sempre para você!

    ResponderExcluir
  19. Desde os 13 anos ouço o HG e amo suas letras. Hoje aos 38 (caralho, como estou ficando velha)... Agradeço por ele estar comigo cada vez mais belo, cada vez mais. Seus escritos são impressionantes. Valeu.

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Assiti ao InSULar em Brasilia (nov/13) e assistirei de novo em Agosto de 14. Ja ansioso!!! hahaha

    ResponderExcluir
  22. Sempre gostei da forma encantadora como você trata a música... Assistir ao show Insular em Recife e cheguei a conclusão de que a cada ano, a cada momento essa relação Humberto / Música é simplesmente perfeita. Sou admiradora dese artista e espero vê-lo com mais frequência em nosso Pernambuco.

    ResponderExcluir
  23. Admiro você pela pessoa que é, pelo grande músico, pelo seu amor a música e pela natureza...Com certeza, os sinais estavam a seu e ao nosso favor aqui em Fortaleza, sábado... Parabéns Humberto.
    Esperamos em breve o DVD Insular na nossa capital!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  24. Obrigada pelo show MARAVILHOSO em Fortaleza, esperamos que você volte logo. Ficamos muito contentes por ter gostado da nossa homenagem à você, o flash mob foi organizado com muito carinho e amor. E nos tornarmos um bom sinal para o DVD é muito gratificante. Obrigada!!

    ResponderExcluir
  25. Sinais... cada pessoa tem sua forma própria de senti-los. No meu caso é através de pensamentos inusitados. Fica de "boa" Humberto você já pegou a "manha" de ler estes sinais que te surgem, basta analisar a trajetória de sua arte/ofício.Beijo, até.

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  27. Ouvi algumas músicas do Insular e senti toda essa energia!! O Show em Fortaleza foi mágico... Uma mistura de orgulho e admiração pelo trabalho que realiza!! Foi lindo!!!

    ResponderExcluir
  28. Q talento q dom d Deus .....texto escrito na correria e saiu assim .....imagina com tempo .....parabens curtimos sempre os textos ......

    ResponderExcluir
  29. Força e sensibilidade fazem um dueto que nos leva ao céu e inferno diário, numa balança sem precisão...
    Essa luta utópica por um mundo ao menos mais humano, ingênuo, otários que sejamos...Mas pela arte, pelas causas perdidas.

    Força Gessinger, não sabemos até que horas o relógio funcionará.

    ResponderExcluir
  30. Esportes individuais nos faz mais focados e atentos nos pequenos detalhes...Acredito que por mais que dividas seu trabalho com honrosos colegas, tua individualidade e a confiança no que faz de forma precisa e só, faz toda a diferença!
    Ti gosto demais guri! Beijos ♡♥♡

    ResponderExcluir
  31. Vanessa Nascimento20 de maio de 2014 13:30

    Durante o show em Fortaleza, também pude experimentar uma sensação parecida... Bons tempos certamente virão! Foi lindo! Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  32. Como disse pessoalmente a vc aqui no RJ... Amo vc cara

    ResponderExcluir
  33. Como disse pessoalmente a vc aqui no RJ... Amo vc cara

    ResponderExcluir
  34. Humberto....espero q tenhas recebido e gostado do dvd do mestre Luiz Gonzaga. Entreguei ao Tavares. Abrçao. augusto.silva05@gmail.com

    ResponderExcluir
  35. 1berto Goiânia te aguarda em Agosto...

    ResponderExcluir
  36. N posso perder dessa vez, vou fazer o impossível p te ver em agosto, aguardando Bsb. bjo.

    ResponderExcluir
  37. Salvador, Senhor, Soberano, Sábio, Sagrado,Sumo Bem, Simples de coração...

    ResponderExcluir
  38. Triste é ter um show perto da sua cidade(perto de Fortaleza) e você não poder ir,mas não desisto...cedo ou tarde chega o dia!Te amo Humberto!!!e boa sorte para o DVD!

    ResponderExcluir
  39. Muito! Bom! BH aguarda também está preparada pra esse grande espetáculo que vem acontecendo em todo o Brasil. O Brasil está preparado.

    Abraços...

    ResponderExcluir
  40. Simples palavras são insuficientes para expressar a admiração que nós temos e o quê esse cara representa para música e para cada um de seus fãs! Simplesmente GENIAL! Grande cantor, brilhante compositor e um ótimo escritor... Já são 3 décadas de SUCESSOS, despertando as mais variadas emoções, inspirando milhares de pessoas! Cada dia fico mais fã desse cara...

    ResponderExcluir
  41. Acho muito bacana teu desprendimento de toda semana manter um canal, assim, com seus fãs. Interessante isto que falasse de vibe, ler os sinais e efetuar algo em cima disso. Música tem muito disso mesmo de ligação visceral com sua época, seu momento. Tava lembrando agora daquele jeitão do Evandro Mesquita nas canções da Blitz. Realmente, dá-me a impressão de que era toda uma atmosfera que estava no ar no país, no litoral, daqueles dias e aí aparece um sujeito com sensibilidade pra fazer desses momentos e sentimentos algo compartilhado. É muito bonito isso.
    Tanto que se você tenta fazer algo parecido depois. E muita gente cai na tentação. Fica algo démodé, passado, datado. Não rola mais.

    É como esse povo do sertanejo que está aí há trinta anos fazendo música igualzinha. Quer dizer, no começo ainda podia haver um certo carisma da coisa declaradamente brega, mas depois vira falta de óleo de peroba mesmo.

    Fico contente que dá pra manter a calma, às vezes no meio de tanta zoeira. Viver no Brasil é saber que há aqueles momentos foda pra caralho. Talvez isso dê força, também. Acho que o rock sempre trabalhou bem essa relação de força com delicadeza. Pega uma canção do Bon Jovi como Bed of Roses, por exemplo. E eu não sou daqueles que acham o Bon Jovi um viado enrustido tomando o caminho mais fácil para agradar as fãs. Acho um cara talentosíssimo. Mas como eu ia dizendo, é incrível essa força do rock de começar devagar, lento, atento e de repente dar uma subida louca. É muito bonito isso. E o mesmo acontece na música clássica. Não sou músico. Não sei a diferença da complexidade de uma arte para outra. Mas lembro de alguns debates com o professor em aulas de filosofia da arte. E ele dizia isso: talvez haja caras no mundo capazes hoje em dia de fazer uma sinfonia tão competente ou mais que a de um Beethoven, mas qual a relevância disso, agora? Não sei, tive umas discordâncias do ponto de vista dele na ocasião, mas algumas coisas me pareceram oportunas.

    Na madrugada de ontem quando li tua "coluna" tava intercalando a navegação na net com um livro sobre a batalha de Maratona. E tava justo num momento em que o historiador se permitia a seguinte especulação: os Persas já tinham derrubado duas ou três cidades em ilhas das Cíclades no caminho marítimo para a Grécia. Chegaram lá e se dirigiram a Erétria - mais ao norte da Ática - que pediu ajuda dos atenieneses e que não obteve, até pelas difíceis circunstâncias. A cidade caiu em poucos dias, os homens quase todos mortos, os sobreviventes seriam deportados. Que se podia esperar do futuro de Atenas? Nove mil atenienses em armas frente ao poderio persa que reunia os melhores soldados de todas as partes do império. E o autor se perguntava: Atenas tinha tudo pra cair e se Atenas caísse quão diferente teria sido por exemplo a história da filosofia? Provavelmente não teria havido um Sócrates, ao menos não o Sócrates que conhecemos. E se não tivesse havido um Sócrates, certamente não teria existido um Platão. É possível que Platão, no máximo ( e se tivesse nascido), fosse outro entusiasta e expoente menor do pitagorismo. E se não houvesse Platão, não haveria talvez Aristóteles. Veja só quantas mudanças na história do pensamento ocidental dependia de uma batalha que para os persas era apenas uma de muitas outras conquistas.

    Teria a época seguinte produzido outros grandes pensadores sob a pele de outros diferentes homens? Não sei. Me parece difícil. Quem conhece o assunto sabe bem a inflexão radical que Sócrates e os sofistas fizeram em relação aos primeiros filósofos físicos. O mais provável é que muita coisa teria sido diferente. Atenas não seria democrática e não haveria um Sócrates para zombar das incongruências da democracia. Às vezes me parece que alguma lei de compensação realmente move o mundo. Desde os átomos. E talvez por isso seja tão díficil para os homens entenderem as mulheres. Elas pensam, reagem, enganam, de um jeito diferente da gente. Parecem haver motivações ancestrais que de alguma maneira são distintas e talvez tenham que ser distintas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvino,

      Legal o seu argumento. Também noto um empobrecimento na qualidade musical hoje em dia, tanto em relação à letra, como na melodia e no arranjo. Gessingers são uma raça de poetas-músicos em extinção.

      Excluir
  42. Humberto, eu sei que todo mundo já deve ter dito tudo para você, mas eu realmente espero que ainda mexa com você o fato de você mexer tanto com a gente. Obrigada pela sensação única que senti naquela noite enluarada de sábado numa Fortaleza que era sua!

    ResponderExcluir
  43. Grande Humberto, não há como duvidar do sucesso que será esse DVD ( apesar de achar que seria bem melhor se gravado em Fortaleza). E o que falar da noite de sábado em Fortaleza? Meu muito obrigado é pouco diante daquele espetáculo inesquecível! Espero que tenha sentido o quanto você é admirado aqui! Volte logo e sempre, pois estamos sempre ansiosamente de braços abertos! Abraços.

    ResponderExcluir
  44. Bah! Muito bom, curti o lance dos S, e fala sério o que é que há. ..que lugar lindo nas fotos. O baixo muito bom e melhor quando você está tocando, aí sim perfeição. Abraços Marcelo Serrano.

    ResponderExcluir
  45. Reza a lenda que tudo conspira a favor. Tenho certeza que o DVD insular vai ser sucesso total.
    Quero expressar aqui imensa felicidade de poder levar comigo minha filha Lívia ao show em Fortaleza. Ela tem 12 anos e curte HG desde muito novinha. Me encheu de orgulho. Feliz demais. Obrigado por fazer parte de nossas vidas.

    ResponderExcluir
  46. " No táxi que me trouxe até aqui (Fortaleza) o HG me dava razão."
    Valeu demais Humberto!

    ResponderExcluir
  47. Ah como eu te admiro ,como pessoa, como músico , como escritor,como pai .
    Nunca pare , estaremos sempre com você !

    ResponderExcluir
  48. ... "troca dos captadores eletromagnéticos do meu Rickenbacker": escrever e fazer a troca, parece fácil. Embolei a língua na fala.
    Boa noite!

    ResponderExcluir
  49. Humberto,

    Sua suposta quebra de rotina obriga você a falar (escrever) por meio de imagens que representam intensamente e sintetizam a essência argumentativa das suas inspirações. Simplesmente formidável!

    ResponderExcluir