Ih, não me ocorreu nenhum título (115)

Era uma regra não escrita: jamais emprestar livros. Mas a vontade de espalhar a boa informação geralmente se sobrepunha. E assim se foi, para nunca mais voltar, meu exemplar da autobiografia de Luis Buñuel - mestre surrealista do cinema espanhol.

Faz tempo (parei de me interessar por cinema no fim da adolescência). Voltei a sentir falta do livro hoje, ao tentar lembrar detalhes de uma passagem.

Se não me falha a memória - que geralmente me falha - a cena é a seguinte: exilado, fugitivo por causas políticas, Buñuel consegue abrigo na casa de um desconhecido que, pelo gesto generoso, coloca em risco a própria vida.

O imprevisível cineasta só tinha motivos para ser eternamente grato ao seu salvador, mas numa manhã, ao vê-lo se arrumando para sair, percebe que ele só penteava a parte da frente da cabeça. Este detalhe insignificante (ainda mais insignificante vindo de alguém que arriscara a própria pele para ajudá-lo) foi suficiente para que Buñuel sentisse uma grande antipatia pelo cara; uma raiva irracional. Ops... há raiva racional? E amor racional, há?

Obviamente, está embutido nas memórias de Buñuel o espírito dos surrealistas da época, o humor quase sempre negro, a vontade de chocar quase sempre excessiva. Mesmo dados estes descontos, é louvável que Buñuel tenha exposto seu momento nada nobre.

A história me impressiona e volta e meia volta à minha cabeça. E talvez, um dia, o livro volte a minhas mãos e eu descubra (ah, memória!) que a história não era bem assim, que os personagens não eram bem esses.

Ainda assim... existe ódio racional? E amor racional, existe?


Compus, ensaiei, gravei, mixei, lancei... e dei um tempo pra esquecer e tentar ouvir o Insular de forma menos cerebral. Quase sempre é necessário; só às vezes é possível. Cada vez mais, tento viver as paixões em vez de falar delas.

Numa dessas audições surreais e emocionadas, em dois momentos me veio à boca um sorriso: (1) aos 3'53" de Recarga quando se ouve o barulho da mão pressionando a chave que muda o registro do acordeon e (2) aos 3'06" de Tchau Radar, A Canção quando engato outra marcha no órgão Hammond.

Não são solos incríveis nem versos bem bolados nem sacadas de harmonia nem achados melódicos; são só dois acasos, momentos fortuitos, detalhes insignificantes que, para mim - irracionalmente - fazem a maior diferença.

(*)

bah: se quiser dar pitaco sobre quais músicas do Insular devo tocar nos shows, tá rolando uma enquete na coluna ao lado. Não precisa explicar. Nem fazer sentido. Ouvir o disco antes de votar pode ser uma boia ideia.

=)

abraços
10set2013

90 comentários:

  1. Coisa boa começar a terça com texto! Tirei dele duas frases que me deixarão pensado a semana toda! Boa semana, HG!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quase sempre é necessário; só às vezes é possível. Cada vez mais, tento viver as paixões em vez de falar delas?

      Excluir
  2. Texto ótimo.
    Joinville já está com saudades.

    Letícia Colusso Poerschke

    ResponderExcluir
  3. Abraço!!!!!!!

    Vou ouvir com muito carinho!!

    ResponderExcluir
  4. Sempre Gessinger! Quero logo meu Insular!

    ResponderExcluir
  5. detalhes... como uma rajada de vendo no final da tarde.

    ResponderExcluir
  6. Não consigo dormir sem esse post ... Enfim Seis Segundos chegou, e ansiedade foi tanta e a leitura é tão perfeita que o devorei em poucas horas!

    ResponderExcluir
  7. "tento viver as paixões em vez de falar delas." *-* Ah, eu gostei dos fones!

    ResponderExcluir
  8. Excelente texto...

    Ansioso pra hoje em Curitiba.

    Robinson - Mandirituba/PR

    ResponderExcluir
  9. Meus Livros do Amyr Klink.... emprestar jamais e uns de um tal Humberto...também empresto não. Defeito?? Dito e feito.

    ResponderExcluir
  10. Votei em todas as músicas, algum problema?

    ResponderExcluir
  11. Sobre emprestar livros: Normalmente só empresto pra uma pessoa. Ela é de total confiança! Já emprestei pra outras, mas sempre tem o velho pensamento, "será que vão devolver"? kkkk

    Sobre o Insular: Não aguentei esperar o CD chegar me casa e já o ouvi várias vezes aqui na net. Simplesmente espetacular! Achei muito legal a sacada no final de "Plano B", com trechos de todas as canções anteriores.

    Sobre a votação: Votei em "A Ponte Para o Dia", é a minha música favorita do Insular. Gostaria de ouvi-la, próxima vez que eu for a um show seu =)

    Abraços de fé!

    ResponderExcluir
  12. Ótimo texto! ótimo cd!! Daqui a pouco eh aqui! Curitiba te espera... Ensolarada como sempre, rsrsr!!!

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda estou processando o disco na minha cabeça... E sei que vou nessa por algum tempo... Provavelmente anos e isso não irá acabar. Que disco! Que versos! Que composições! Quantos mistérios e enigmas aí hem... Simplesmente perfeito do modo como deveria ser.
    Por hora, muito obrigado grande Humberto Gessinger!

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Ainda não baixei o disco. Acho que vou esperar o meu chegar (não sei se por capricho, ou preguiça de baixar...uma preguiça meio irracional...ops). Então, já ouvi Tudo está parado N vezes...seguidas. Não sei se é só impressão, mas a música tem um "que" de continuidade. Daqueles arranjos em que a última nota fica no ar, pedindo a primeira novamente. Ah! Não sei se consigo explicar, sinto a música diferente da maioria das pessoas e não sei racionalizar sobre isso. Talvez por uma certa ignorância musical, sigo meu instinto pra música.

    Meu Cd (seu Cd) deve estar pintando logo por aqui, então, quando ouvir, venho votar ;-)

    Boa semana!

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sim! Lógico que já devorei o livro. No dia em que chegou. ;-)

      Excluir
    2. Boa descrição para "Tudo Está Parado", Márcia! Tentava encontrar mas só conseguia sentir a música! É bem o "que" de continuidade que estava na ponta da língua mas teimava em não sair dos ouvidos! Abraços!

      Excluir
    3. Aaaaah.... mais alguém com a mesma impressão. Bom não se sentir uma aberração de vez em quando...rs ;-)

      Excluir
    4. Acho que somos duas aberrações, Márcia! Afinal, discípulos do profeta dinossauro aí acima, provavelmente são peixes fora d´água e enxergam dragões em moinhos de vento. :-)

      Excluir
    5. hahaha Certo. Ou ainda borboletas urbanas ;-) (piada interna. é uma peça minha).

      CHEGOOOOUUU!!!! Bora ouvir! Tô ouvindooooo!!! Tô escutando!! ;-)

      Bora é minha primeira preferida...rs... até a próxima favorita, até... ah! já entenderam, né?

      Voto daqui uns.... 90 minutos...hahaha

      Excluir
    6. E... Só voto porque imagino que seja um termômetro interessante para seu trabalho pois, como já disseram alguns colegas de blog, melhor deixar as escolhas pra quem sabe. O "do ramo" ;-)

      Excluir
    7. Humbeeeerrrrtooooo?! É muita viagem, ou Milonga é "prima" de Pampa no Walkman? rs.

      Excluir
  15. Oi Humberto, tudo bem?
    Eu tenho traumas em emprestar livros, 3 já me foram levados, rsrs.
    Bom, eu estou concorrendo ao prêmio TopBlog 2013 novamente, que elege o melhor blog do ano. É só visitar meu blog, e votar, vai levar menos de 1 minuto. Desculpe a cara de pau em pedir, mas tenho que fazer campanha e já viu né? rs
    Bom, adorei teu blog. Dá uma passada no meu depois para ler, tem algumas coisas bem legais lá.
    Abraços

    ResponderExcluir
  16. Aprendi também a nunca mais emprestar material Gessingeriando autografado... hehe
    Foda escolher uma do Insular, muito gostoso ouvi-lo.
    Boa noite HG, Bora, Tchau Radar!

    ResponderExcluir
  17. Esses acasos me acontecem com mta frequência. Acaso - frequência?!?!?!!!!!!!

    Cara....ando escutando mto suas músicas, assim como fazia 20 anos atrás....só isso p explicar como consegui colocar frequência e acaso na mesma frase; tipo Fidel e Pinochet laaaaaa no primeiro disco!!!!

    ResponderExcluir
  18. Humberto, pare de falar do disco! Ao menos pare até que ele chegue até mim - risos. Haja ansiedade! E jurei que não ouviria nem "Tudo Está Parado" no CD brinde que veio junto com o "Seis Segundos de Atenção". Por falar em Seis Segundos, post passado eu fiquei tentando encontrar meu nome nas fotos. Não consegui encontrar... Talvez porque se visse a ansiedade me consumisse por completo. Ao menos o Seis Segundos chegou no meio da semana. Obrigado pelo desejo de "Boa Leitura, Jorge Augusto! 1bert☮ (fiquei imaginando se o "O" seria um yin-yang mas torcendo para que fosse o símbolo da paz - bom, racional ou irracionalmente (consciente ou inconscientemente) você acertou!). Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais uma coisa: não resisti à jura e ouvi "Tudo Está Parado". LINDA! Parabéns!

      Excluir
  19. Aaaaaa só eu que não consegui ouvir nenhuma das duas coisas que te chamaram a atenção?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra ouvir melhor, melhor apagar a luz... Moara

      Excluir
    2. Erga bem o volume e volte, se necessário, no tempo que ele indicou. São estalos, como cliques de botão.

      Estes detalhes passam batidos pra todos. Só quem gravou percebe. Uma vez numa gravação de estudio, virei a página da letra da música e o som ficou registrado, se apagar teria que gravar novamente aquele trecho.

      Excluir
  20. Nao canso de ouvir Sua Graça...na empresa onde trabalho, todo mundo ja esta cantarolando de tanto ouvir... A preferida!! Mas Milonga do Xeque Mate é a musica desafiadora...será a musica q todo mundo vai querer cantar junto nos shows sem errar a letra...muito linda!!! Tem a do coração que é Plano B... Essas 3 n podem faltar!!! Bj

    ResponderExcluir
  21. Descerebrar o insular. Que tarefa difícil, hein Sr. Gessinger?!

    Parabéns pela "Milonga..."

    ResponderExcluir
  22. Que texto heeeein Gessinger, ? Perfeito! :O Cada vez mais perplexa com tudo que tu escreve! hehehe e rapaaz, o Insular? Enlouqueço ouvindo, uma loucura boa como sempre, muuuuuito maravilhoso! Já dei meu voto! :D hahaa apesar de que se eu for num show teu, sempre vou querer que toque todas as canções, kkkkkkkkkk enfim :_)
    Mas Gessinger, tô sabendo que tu vem pra Maceió em Outubro,meeeu, fiquei tão feliz a ponto de morrer, até ver que era bem no dia da prova que vai decidir meu futuro, :(( E quando será que tu volta de novo? #Xatiada,
    Beijos, amigo! :)

    ResponderExcluir
  23. ótimo texto Humbertão (bah, como sempre neh)...
    To ansioso por ouvir o Insular e poder votar..enquanto isso vou refletindo em alguns singelos trechos muito significativos pra mim deste que se seguiu. Abraço e boa semana!

    ResponderExcluir
  24. Hora de dormir.Já li a oração da semana.kkk Ainda no aguardo da chegada do meu livro e cd,enquanto não chega,baixei e vou curtindo.Já ouvi várias vezes as músicas citadas acima e não consegui ouvir o que Gessinger citou.Tem uma audição bem apurada.
    Obrigado por mais essa obra de arte.
    Recife aguarda sua volta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra ouvir melhor, melhor apagar a luz... Juvenal

      Excluir
  25. Humberto, o estúdio onde você gravou Insular (youtube) é na sua casa ? Que tal você criar uma F.A.Q aqui no blog ? Porque tu é muito ocupado e a gente fica até sem jeito de ficar fazendo muitas perguntas aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. APOIADO!!!

      Eu queria saber se o Humberto consome alguma bebida alcoólica, quem é a Ana (que ele já disse que não existe, mas eu não me convenço...kkk), queria saber qual é a referência para o "coronel" em "Sua graça", queria saber o que se passou pela cabeça dele ao lançar um álbum com tantos regionalismos (sou gaúcho, mas sei que muita gente não curte), queria saber por que várias vezes ele já escreveu sobre relacionamentos mal-fadados, sendo que ele é casado há tantos anos com a mesma mulher, queria saber como é o relacionamento dele com o Licks e com o Maltz, enfim, tantas perguntas...

      Excluir
    2. Tenho muito mais dúvidas do certezas

      Excluir
    3. Em relação ao coronel tá facil:

      http://pt.wikipedia.org/wiki/Ningu%C3%A9m_Escreve_ao_Coronel

      Excluir
    4. Valeu Leandro!!! Me sinto um ignorante por não saber disso...podia simplesmente ter jogado no google...mas é muito melhor ouvir dos defés...Valeu, abraço!

      Excluir
    5. Que nada velho. Fica de boa. Ele tinha comentado esse livro num dos textos do blog. Mostrou a foto da capa inclusive...
      Antes do Humberto falar também não sabia que o livro existia.
      Pelo que eu li no resumo parece ser bem bom o enredo do livro.

      Valeu!

      Excluir
  26. Mestre, gênio, guru...há 23 anos escuto atentamente cada palavra tua. Obrigado por existir. Minha relação contigo é a segunda mais antiga da minha vida, só perde para a minha mãe... Nesses 23 anos te ouvindo, tanta coisa já entrou e saiu da minha vida, mas tu estavas sempre lá. Cheguei a escrever uma carta de amor usando apenas versos das tuas canções. Chamei a carta de "Uma obra da engenharia". Estou meio triste por ver que minha canção preferida (Terei vivido) está ficando para trás na votação...mas tudo bem, tenho esperança de que, quando eu estiver no show, tu vais cantá-la... Parabéns pelo álbum MARAVILHOSO, álbum do ano, álbum da década!!! Estamos postando no face a análise de cada uma das músicas e está rendendo altas conversas...porque tu és gênio, tu és a música brasileira viva. Parabéns pela coragem, pela genialidade, parabéns por ser...Humberto.

    ResponderExcluir
  27. Um dia disse Groucho Marx: "Só tem uma pessoa mais tonta que a que empresta livros... a que devolve."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahahahahaha
      Eu sou tonta então...

      =/

      Excluir
  28. E não é que o "Insular" dói, de tão bonito!
    Que presente!
    =)

    ResponderExcluir
  29. Gostei do texto, mas confesso que esse fone de ouvido com fecho-ecler me chamou mais a atenção. Nunca tinha visto igual.

    "Terei vivido" gravada com baixo e metronômo é uma das preferidas. Lembrei da gravação do programa Zoombido, aqui no RJ.
    O produtor pediu prá você refazer uma música, porque o click tinha vazado na gravação. Você respondeu:"Pode deixar, isso é a minha cara!"
    Ele não deixou e pediu prá você gravar de novo. Se ele ouvir o disco, vai dizer: "Não é que o Humberto tinha razão?" =)
    Saudações.

    ResponderExcluir
  30. Aliás, me empolguei e esqueci de falar dos livros e coisas emprestadas...Já perdi a conta de quantos emprestei e não voltaram, entre eles, a minha biografia do Bukowski. Durante um tempo, isso me incomodou, mas depois concluí: "ah, mas e daí...eu não iria ler tudo de novo mesmo...". Assim, pelo menos a palavra continua em movimento. Espero que as pessoas que tomaram emprestado de mim emprestem para outros e que eles também não devolvam. É um clube do livro informal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clube do livro informal????
      Interessante.

      ;)

      Excluir
  31. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Por razões imcompreensíveis ao intelecto comum (o meu), a minha preferida é "Segura a onda DG".

      Mesmo não gostando do sotaque do Nicolaiewiski, e da pronuncia dele da palavra "Grey" e não "Grrrrey", a levada dela folk dela, e o violão de nylon "costurado" me transportam para um clima de sábado a tarde... Muito bom!


      Obs. Mandei uma mensagem de texto pra minha mulher com o trecho:

      "ainda bem que ela está comigo
      cada vez mais bela, cada vez mais velha
      cada vez mais linda, agora mais ainda
      cada vez mais"

      Ela nem se importou de chamar ela de velha...

      Excluir
    3. Ótima sacada! Eu mandaria pra minha também, se ela não tivesse pedido o divórcio....kkkk

      Excluir
    4. Juliano,

      Se deu vontade, manda velho... Pode ser o inicio de uma reaproximação... se for do seu interesse...

      Na época de solteiro as músicas do EngHaw/HG me ajudaram muito com as gurias... Minha esposa diz que a melhor versão de 3X4 que ela já ouviu foi a que eu gravei num cd que dei pra ela no dia dos namorados...

      É isso HG ajudando nos relacionamentos amorosos, ahahahah!!!!

      Excluir
  32. ah sei nao o disco ta otimo para mim eu queria q tocasse o disco todo nos shows.......

    ResponderExcluir
  33. Recebi meu livro no sábado véspera do meu aniversário, presentão sem dúvida.Quando vi o pacote em cima da mesa (não tava em casa) me bateu uma emoção muito massa, cara fiquei sem reação com um baita sorriso no rosto, talvez esse sentimento seja explicado pelo tempo de espera ou por eu ser muito fã seu. Deve ser os dois.As emoções continuam durante a leitura.Agora espero pelo disco enquanto vou lendo....
    Como sempre um ótimo texto, parabéns e obrigado.Abraços

    ResponderExcluir
  34. Sr HG,

    Dando continuidade à incansável busca pela palheta "sagrada", estou evidando esforços hercúleos para estar no show de Umuarama na próxima sexta.

    Já respondi o questionário na coluna ao lado, mas acho que tirando "Terei vivído" e "Insular" não pode faltar mais nenhuma música do disco novo.

    Valeu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Protesto!

      Terei vivido é ótima! Ah, quer saber...toque todas!

      Excluir
    2. Terei vivido é minha preferida no momento.

      Abs

      Excluir
    3. Acho que o Gessinger não tem usado palhetas para tocar... Ele, normalmente, toca baixo com os dedos.

      Excluir
    4. Sr anônimo,

      No ultimo show dele em que eu estive a mais ou menos um mês atras ele usou a doubleneck (baixo e guitarra) e usou sim a palheta, inclusive na introdução de exército. Pro meu desgosto, nesse show eu peguei um camarote e não fiquei na beira do palco, mas testemunhei ele arremessar a palheta, coisa que nunca fazia nos shows do PG.

      Excluir
    5. Juliano e Alexsander,


      "Terei vivido" é praticamente uma vinheta só tem um 1:06 igual ao "O sonho é popular". Nem por isso deixa de ser genial, mas tocá-la isoladamente ficaria meio estranho. Ficaria legal ele abrir com ela e já emendar com "Sua Graça", igual no início do disco!!!!

      A galera "de fé" vai ao delírio, ahahahahah!!!!!

      Excluir
  35. O CD que comprei pela stereophonica acho que só chega depois do dia 20 de Set. Espero que até lá ainda esteja rolando a enquete ainda...Gosto desse tipo de pitaco hehehe

    Abraços...Humberto!

    ResponderExcluir
  36. Outro detalhe de suma importancia, livros, cds , dvds e automoveis....não empresto, egoísta...não, precavido sim, nem todo mundo constuma cuidar e lembrar-se de outro detalhe....devolver!. Minha coleção HG (Cd,DvD, Livros) não saem de casa, a não ser comigo. Recebí meu livro ja iniciei a leitura, super bacana, estou aguardando o Cd, e claro darei minha opinião, abs.

    ResponderExcluir
  37. Sou como o Marcelo, precavida...hehehehe

    Ainda não tenho livro e cd, mas ACHO que posso dar alguns pitacos sobre quais músicas tocar no show, hehehehe

    -PLANO B: boas lembranças da época da caverna do Bin Laden! S2
    -INSULAR: é bom ouvir/cantar/falar sobre união, né?!
    -SUA GRAÇA: adorei esse título. Não vi a letra, mas achei o título encantador...
    -PONTE PARA O DIA: o título me dá a sensação de esperança :D
    -RECARGA: já esse título, me inspira força.
    -TCHAU RADAR, A CANÇÃO: é sempre bom pregar a simplicidade.

    *não ouvi o CD...tô me guardando pra quando o carnaval, ops, o chegar...rsrs

    Boas coisas pra ti, querido ídolo!

    ResponderExcluir
  38. Humberto,

    Muito bom o texto, como sempre. Interessante a comparação.

    Um grande abraço.

    Carlos

    ResponderExcluir
  39. Sidnei Rodrigues - SP10 de setembro de 2013 13:34

    Ótimo texto Humberto...detalhes!!!
    Sobre as canções.
    Milonga é muiiiito boa.
    Plano B ainda vejo desde quando ela iniciou,naquele tempo.
    Segura a onda DG.....minha preferida ...junto com Milonga
    Mas não sei o pq mas agora estou escutando diferente a Ponte para o Dia....é a do momento.
    Não vou esquecer.
    Show em SÃO PAULO JÁ!!!!!

    ResponderExcluir
  40. Está cada vez mais próximo o horizonte: o doutorado. Mas antes, tenho esperança daquela "tocada" com o Humberto! Vamos fazer essa jam!

    []´s
    Leonardo Lima/RS
    www.ufrgs.br

    ResponderExcluir
  41. http://magisdiligit.blogspot.com.br/

    Leiam, se deliciem!
    ;#

    ResponderExcluir
  42. Olá!!!, Deus te abençoe, amigo texto ótimo amei, o seu blog é maravilhoso continue assim, S-U-C-E-S-S-O
    Já estou te seguindo, aguardo a retribuição.
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis
    Fanpage: https://www.facebook.com/pages/Batom-Vermelho/490453494347852?ref=ts&fref=ts
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  43. Adoro seus textos, Humberto! Já sabe quando vai tocar em Ribeirão Preto?
    Abraço!
    Evâneo Júnior

    ResponderExcluir
  44. Meu querido HG, por mim , que toque todas do disco
    e outras lado B do EngHaw
    Aliás ,seria super interessante
    tu regravasse, algumas canções da estrada de EngHaw
    ntitulado como disco solo! fazendo um novo arranjo!
    curto muito essas coisas! O que acham pessoal, vamos espalhar a ideia!

    ResponderExcluir
  45. Dar pitaco no seu show? Nem pensar! Você sempre sabe o que faz... a escolha precisa continuar sendo sua apenas... sempre abraçaremos cada uma delas.

    ResponderExcluir
  46. Adoro surpresas!
    Vou dar pitaco não.
    Melhor, queremos mais
    shows em Minas!

    ResponderExcluir
  47. Como assim ter que escolher UMA música produção?! Eu quero ouvir todas! O álbum tá impecável, impossível escolher só uma :D

    ResponderExcluir
  48. Humberto, da pitaco não meu forte mais admiro tudo que você faz com as canções.

    Eu só tenho agradecer e ouvir.

    ResponderExcluir
  49. Humberto, da pitaco não meu forte mais admiro tudo que você faz com as canções.

    Eu só tenho agradecer e ouvir.

    ResponderExcluir
  50. Dei pitaco e não ouvi disco ainda, me processe por conservar essa mania obsoleta de querer ouvir o original...

    ResponderExcluir
  51. Impressionante! Estou encantando com a música :
    MILONGA DO XEQUE-MATE... Pena que ela está perdendo na enquete..., mas tudo bem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que estou surpreso com a boa aceitação que essa música está tendo. Não está entre minhas preferidas, mas já estou gostando dela bem mais do que na primeira vez. Se ser de consolo, minha preferida, Terei vivido, também está ficando para trás...

      Excluir
  52. ENQUETE


    [X]TEREI VIVIDO


    [X]SUA GRAÇA


    [X]BORA


    [X]A PONTE PARA O DIA


    [X]TCHAU RADAR, A CANÇÃO


    [X]TUDO ESTÁ PARADO


    [ ]RECARGA


    [X]MILONGA DO XEQUE-MATE


    [X]INSULAR


    [X]ESSAS VIDAS DA GENTE


    [X]SEGURA A ONDA, DG


    [X]PLANO B

    EU ACHO QUE O SHOW DEVE SER TODO DO CD NOVO QUE É FODASTICO COM TODAS AS MUSICAS DO CD NOVO "EU SÓ TIRARIA RECARGA PORQUE É MUITO "REGIONAL" E MUSICAS DOS ENGENHEIROS..

    ESPERO QUE VOCE NÃO TIRE NENHUMA MUSICA DO CD NOVO DOS SHOWS POETA E SEUS SHOWS TEM SIDO CURTOS DEMAIS AQUI EM NATAL O IDEAL É NO MINIMO 2 HORAS DE SHOW COMO FAGNER FEZ ANO PASSADO AQUI NO TEATRO RIACHUELO..

    SE PUDER TOQUE O CD NOVO TODINHO E NA SEQUENCIA HUMBERTÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOO DEPOIS OS HITS ENGHAW

    ResponderExcluir
  53. ATENÇÃO!!!!

    INSULAR JÁ É O 18º ÁLBUM MAIS OUVIDO DO DEEZER!!!! VAMOS LÁ DE FÉS....VAMOS FAZER INSULAR CHEGAR AO PRIMEIRO LUGAR!!!

    http://www.deezer.com/br/album/6867349

    ResponderExcluir
  54. E NA CATEGORIA "ROCK", INSULAR JÁ ESTÁ EM SEGUNDO LUGAR!!!!!! OUÇAM PELO DEEZER E VAMOS LEVAR ESSE ÁLBUM AO PRIMEIRO LUGAR!!!

    ResponderExcluir
  55. Não sei dizer do que gostei mais... O livro ou CD,começando pela foto da capa do livro, lembra um samurai, a textura das folhas,suave,o projeto gráfico,lindo,o preto e branco, ficou perfeito. E os textos deliciosos. O CD, gostei de tudo,e muito dos sons inesperados que vão surgindo a cada música. Então o que dizer?? Continue sendo este artista criativo, que não tem medo de se arriscar,e que nos tira desta mesmice que paira no ar. Sucesso

    ResponderExcluir
  56. Olá amei seu blog, e já comecei a seguir, bom poderia me ajudar nessa também e entra no meu blog e clicar em SEGUIR ? e CURTIR a fan page , desde já agradeço e conto com sua ajuda, beijos <3
    MEU BLOG -> http://estiilocarol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  57. O disco é tão curtinho (saio de casa ouvindo e ele acaba antes que eu chegue ao trabakho)!que podia tocar todas :)

    ResponderExcluir